Última hora

Última hora

Kosovo: Resultados mostram que é necessário formar governo de coligação

Em leitura:

Kosovo: Resultados mostram que é necessário formar governo de coligação

Tamanho do texto Aa Aa

Ibrahim Rugova, líder da Liga Democrática do Kosovo, tem razões para festejar. O ainda presidente da província sérvia de maioria albanesa conseguiu 45,3 por cento dos votos nas legislativas do passado sábado.

Os resultados oficiais, mas não definitivos, foram apresentados hoje pela Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE), responsável pelo controlo do escrutínio, e mostram que será necessário formar um governo de coligação. Em segunda posição ficou o Partido Democrático do Kosovo, do antigo chefe da guerrilha Haschim Thaci, com 28,6 por cento dos votos, seguido da Aliança para o Futuro do Kosovo, que obteve 8,28 por cento, e do recém criado Partido ORA, que conseguiu 6,26 por cento do eleitorado. A taxa de participação ficou-se pelos 51 por cento, sobretudo, devido ao boicote da minoria sérvia. Apenas um por cento da comunidade foi às urnas, a meses de começarem as discussões sobre o futuro estatuto da província, administrada pela ONU desde 1999.