Última hora

Última hora

Fidel anuncia fim do dólar em Cuba

Em leitura:

Fidel anuncia fim do dólar em Cuba

Tamanho do texto Aa Aa

Não será exagerado dizer que Cuba ficou suspensa quando viu Fidel Castro cair literalmente. Não só na ilha caribenha, mas em todo o mundo, falou-se no simbolismo da queda que os opositores de Castro interpretaram como o sinal da decadência do regime.

Mas eis que cinco dias depois, de braço ao peito e com a perna esquerda fracturada, embora não visível, o presidente cubano surge na televisão com o habitual dinamismo e um comunicado controverso. Castro anunciou que o dólar vai deixar de circular em Cuba e que as transacções vão passar a ser feitas em pesos convertíveis, uma moeda que, segundo o líder cubano, mantém a estabilidade. A partir do dia 8 de Novembro, o câmbio do dólar, que até agora foi a base do turismo local, vai exigir uma comissão de 10 por cento. O anúncio já provocou uma corrida aos bancos. O governo de Fidel incita os cubanos no estrangeiro a enviarem divisas como o Euro.