Última hora

Última hora

Iraque: Allawi responsabiliza forças internacionais pelo massacre de recrutas

Em leitura:

Iraque: Allawi responsabiliza forças internacionais pelo massacre de recrutas

Tamanho do texto Aa Aa

Por entre acusações de negligência às forças internacionais pelo massacre de dezenas de recrutas, o primeiro-ministro interino iraquiano, Iyad Allawi, reconheceu problemas com as eleições previstas para Janeiro.

Em Bagdad, Allawi afirmou que ainda há pormenores a determinar sobre alguns órgãos a eleger, mas o principal obstáculo é a segurança com a falta de meios humanos no país e, por isso, pede tropas à ONU. Mas a conferência ficou marcada pelas acusações às forças internacionais que Allawi responsabiliza em parte pelo massacre, no sábado, em Baquba, de 49 recrutas do exército iraquiano e três motoristas civis. Ataque reivindicado por al-Zarqawi. Allawi não enumerou as negligências e os acusados. Um inquérito tenta apurar as circuntâncias do massacre, a existência de informadores e porque é que os recrutas estavam desarmados e sem escolta.