Última hora

Última hora

Segundo dia de ataques na zona sunita do Iraque

Em leitura:

Segundo dia de ataques na zona sunita do Iraque

Tamanho do texto Aa Aa

Bombardeada em Fallujah, a guerrilha iraquiana prossegue os ataques contra militares e polícias na província de Al-Anbar na zona sunita do Iraque. Pelo menos 21 agentes da polícia iraquiana foram executados esta manhã nas cidades de Haditha e Haklaniya, a noroeste de Bagdade.

Em Haditha, um grupo de homens armados invadiu a esquadra local, executando vinte polícias, depois de pilhar e incendiar o edifício. O aumento dos ataques no chamado triângulo sunita, coincide com o intensificar dos bombardeamentos da força aérea norte-americana sobre a cidade rebelde de Fallujah. Esta noite os militares lançaram mais sete vagas de bombardeamentos, alegadamente, sobre arsenais de armas clandestinos a oeste da cidade. À semelhança do que se passa nos últimos dias é impossível apurar um número preciso de vítimas. Mais de 150 mil pessoas abandonaram a Fallujah, entre as quais parte dos combatentes sunitas, que lutam agora nos arredores entre Samara e Ramadi.