Última hora

Última hora

A Ucrânia exortada a rever os resultados eleitorais

Em leitura:

A Ucrânia exortada a rever os resultados eleitorais

Tamanho do texto Aa Aa

Vieram do Brasil as felicitações de Vladimir Putin ao vencedor das eleições ucrânianas, Viktor Ianoukovicht, o candidato pro-russo. O presidente russo disse a Ianoukovicht que a batalha foi dura mas ganha com honestidade e que a vitória convenceu. O Kremlin apoiou abertamente Ianoukovicht que oficialmente ainda não foi declarado presidente vencedor pela Comissão Eleitoral ucrâniana.

Vários observadores da OSCE criticaram a forma como decorreu o escrutínio e o desrespeito pelos critérios democráticos.Na Rússia o líder do partido liberal Yabloko, Grigori Yavlinsky, um dos opositores de Putin, declarou: “Não é surpresa que as autoridades russas envolveram-se no processo eleitoral da Ucrânia, tentaram e conseguiram interferir com sucesso. Penso que a Rússia interpreta um mau papel”. A Europa já lançou um apelo às autoridades ucranianas para que revejam urgentemente o resultado das eleições uma vez que a votação ficou muito aquém das normas eleitorais internacionais. Os ministros dos Negócios Estrangeiros da União Europeia decidiram convocar os seus embaixadores na Ucrânia para passarem a mensagem ao mesmo tempo que investigam exaustivamente as suspeitas de fraude. O Estados Unidoa manifestaram igualmente a sua preocupação através do porta-voz do Departamento de Estado por causa das informações de “fraude massiva” nesta segunda volta. Washington não exlcui a possibilidade de impor sanções a Kiev.