Última hora

Última hora

Putin pede "prudência" nos comentários às eleições na Ucrânia.

Em leitura:

Putin pede "prudência" nos comentários às eleições na Ucrânia.

Tamanho do texto Aa Aa

Prudência nos comentários e respeito pelo Estado de Direito. Em linhas gerais foram estes os pedidos de Vladimir Putin aos protagonistas da crise política na Ucrânia.

Numa visita relâmpago a Portugal – dois dias antes do arranque da Cimeira União Europeia-Russia -, em Haia, Putin considerou inadmissíveis as “reservas” da OSCE quanto ao escrutínio presidencial na Ucrânia, e aconselhou a comunidade internacional a seguir as pisadas da Rússia e guardar os comentários para quando forem conhecidos os resultados finais. Depois do almoço com Pedro Santana Lopes, em São Bento, o presidente russo reafirmou confiança na democracia ucraniana e criticou os que falam de fraude e falta de transparência no escrutínio. Quanto ao facto de ter dado os parabéns a Victor Ianukovitch, Putin disse que o fez com base nas sondagens à boca das urnas. Sondagens que, no entanto, davam a vitória ao candidato da oposição, Victor Iuschenko. Vladimir Putin é o primeiro chefe de Estado russo a visitar Portugal desde o estabelecimento de relações diplomáticas entre os dois países há 225 anos. Esta noite o presidente russo é o convidado de honra de um jantar oferecido por Jorge Sampaio no Palácio da Ajuda.