Última hora

Última hora

A nova direcção palestiniana cumprirá os planos de Arfat

Em leitura:

A nova direcção palestiniana cumprirá os planos de Arfat

Tamanho do texto Aa Aa

A liderança palestiniana vai manter-se fiel às linhas traçadas por Arafat. O conselho legislativo palestiniano prestou ontem uma homenagem ao líder palestiniano, oficialmente falecido no passado dia 11 de Novembro.

Uma cerimónia cuja mensagem de continuidade é clara, reforçada pelo favoritismo em torno da candidatura de Mahmoud Abbas às eleições presidenciais de Janeiro. O político que sucedeu a Arafat à frente da OLP deverá ser confirmado nas próximas 24 horas como candidato do partido Fatah. Ontem Mahmoud Abbas relembrou que os seus objectivos políticos são os mesmos de Arafat: a criação de um estado palestiniano com Jerusalém como capital e o direito do regresso dos refugiados palestinianos de 1948. Face ao processo de transição política nos territórios ocupados, Israel mantém o silêncio, justificado por Ariel Sharon como uma forma de não agitar os moderados nas vésperas das eleições palestinianas. Israel rejeitou no entanto a proposta da diplomacia russa de desmantelar os colonatos na Cisjordânia e libertar os prisioneiros políticos como gesto de boa vontade para com a nova liderança palestiniana.