Última hora

Última hora

Tribunais reduzem drasticamente pena de ineligibilidade de Allan Juppé

Em leitura:

Tribunais reduzem drasticamente pena de ineligibilidade de Allan Juppé

Tamanho do texto Aa Aa

Allan Juppé vai poder regressar à vida política a tempo das presidenciais de2007. O antigo líder do partido governamental francês UMP viu reduzida a pena de ineligibilidade a que tinha sido condenado em Janeiro passado, de 10 anos para apenas um ano de interdição de actividades políticas. Juppé que tinha apresentado recurso da decisão viu também revista a pena suspensa de 18 para 14 meses de prisão.

O antigo primeiro ministro foi reconhecido culpado pela sua implicação num caso de empregos fictícios que remonta aos anos oitenta quando era tesoureiro da Câmara Municipal de Paris, presidida então por Jacques Chirac também acusado no processo. Allan Juppé que actualmente desempenha funções como edil de Bordeus não deverá apresentar recurso da decisão, devendo abandonar o cargo para cumprir a sentença. A redução da suspensão de actividades políticas permite que Juppé se candidate às presidenciais de 2007, para as quais conta já com o apoio do actual presidente Jacques Chirac.