Última hora

Última hora

Iberia pode cortar mais 2500 empregos

Em leitura:

Iberia pode cortar mais 2500 empregos

Tamanho do texto Aa Aa

A Iberia prevê suprimir entre 2000 e 2500 empregos suplementares, o que eleva para 6500 os postos de trabalho que vão ser eliminados na transportadora aérea espanhola, no quadro do plano de reestruturação. Este plano devia acabar este ano, mas foi prolongado até 2007, por culpa da subida nos preços do petróleo.

A empresa vai apelar às rescisões voluntárias, a troco de indemnizações, aos funcionários com mais de 58 anos. No final de 2003, a Iberia tinha 18.500 empregados. Daqui a três anos, espera ter apenas 12.000. Este plano está a dar frutos. Nos primeiros nove meses deste ano, os lucros da Iberia cresceram 52 por cento, para os 167 milhões de euros, graças a um volume de negócios mais forte e à redução dos custos, não só com o pessoal, como também nos serviços a bordo e comerciais. Os bons resultados estão também a reflectir-se na cotação dos títulos, na bolsa de Madrid. No ano passado, as acções da Iberia cresceram mais de 60% e este ano subiram 11 por cento, uma subida acentuada pelas últimas notícias.