Última hora

Última hora

Ucrânia: A tese de envenenamento de Iuschenko volta à ribalta

Em leitura:

Ucrânia: A tese de envenenamento de Iuschenko volta à ribalta

Tamanho do texto Aa Aa

O candidato da oposição ucraniana às eleições presidenciais foi alvo de uma tentativa de assassínio por envenamento. É o que dizem médicos austríacos da clínica Rudolfinerhaus de Viena, onde Viktor Iuschenko esteve em observação em Setembro, depois de um jantar com responsáveis dos serviços de segurança ucrânianos.

Os médicos não conseguiram identificar a substância utilizada, mas especialistas franceses, britânicos e norte-americanos afirmam que Iuschenko foi vítima de um agente biológico, químico ou de um veneno raro. A 6 de Setembro, o candidato da oposição foi hospitalizado em Viena com dores abdominais, lesões no fígado, intestinos, pâncreas e no tubo digestivo. O seu aspecto físico está hoje deformado por quistos e inúmeras lesões cutâneas, um homem que perdeu o aspecto saudável com que começou a campanha eleitoral.