Última hora

Última hora

George W. Bush, George Bush e Bill Clinton juntos num apelo à solidariedade

Em leitura:

George W. Bush, George Bush e Bill Clinton juntos num apelo à solidariedade

Tamanho do texto Aa Aa

Três presidentes dos Estados Unidos apelam a um esforço de solidariedade para com as vítimas da tragédia no Sudeste asiático. Ao actual chefe de Estado, George W. Bush, juntam-se os dois antecessores: o pai, George Bush, e Bill Clinton.

Depois de críticas por uma “fraca” reacção inicial à catástrofe, o governo norte-americano anunciou, há quatro dias, uma contribuição de 350 milhões de dólares. Agora, é feito um apelo directo ao povo norte-americano: “Estamos aqui para pedir aos nossos cidadãos que se juntem num enorme esforço de ajuda humanitária.”, declarou George W. Bush. O presidente lembrou ainda o papel do seu país: “Estamos a trabalhar com as Nações Unidas e com governos de todo o mundo para coordenar uma resposta internacional generalizada.” Este apelo chegou no momento em que o secretário de Estado norte-americano, Colin Powell, começa uma visita às zonas mais afectadas pela catástrofe. No itinerário do percurso estão previstas a Tailândia, a Indonésia e o Sri Lanka.