Última hora

Última hora

Criação de emprego nos EUA em 2004 foi o melhor em cinco anos

Em leitura:

Criação de emprego nos EUA em 2004 foi o melhor em cinco anos

Tamanho do texto Aa Aa

2004 foi o melhor ano da administração Bush, no que toca à criação de emprego nos Estados Unidos. Os números de Dezembro e relativos ao conjunto do ano foram agora publicados pelo departamento do trabalho e mostram que o desemprego baixou, pela primeira vez desde a recessão de 2001.

No mês passado, havia pouco mais de oito milhões de desempregados, entre a população activa norte-americana. A taxa de desemprego do mês foi de 5,4 por cento, igual à de Novembro, o que dá uma média anual de 5,5 – a mais baixa dos últimos três anos. No último mês, foram criados 157.000 postos de trabalho, um número que ficou abaixo das expectativas dos analistas. No total do ano, o número de empregos criados rondou os 2,2 milhões, o melhor desde 1999. As notícias são boas, sobretudo para o sector secundário. Durante os primeiros onze meses do ano, foram criados 76.000 empregos na indústria. Números bons, tendo em conta que o sector perdeu mais de três milhões de empregos entre 1998 e 2003. Em Dezembro, o índice de produção industrial foi o mais alto em mais de trinta anos, graças à queda do dólar e à subida nas exportações. A duas semanas de tomar posse para o segundo mandato, George Bush pode ver subir a popularidade, graças a este bom momento da economia.