Última hora

Última hora

Famílias reais selam reconciliação entre Marrocos e Espanha

Em leitura:

Famílias reais selam reconciliação entre Marrocos e Espanha

Tamanho do texto Aa Aa

Um encontro histórico em forma de reconciliação entre Espanha e Marrocos. O rei Juan Carlos iniciou ontem uma visita oficial de três dias ao país, a primeira nos últimos 35 anos.

Juan Carlos foi acolhido ontem pelo actual monarca, Mohammed VI, filho de um dos seus mais íntimos amigos, o defunto rei Hassan II. Volvida a tensão com o governo de Jose Maria Aznar que culminou com a disputa em torno da soberania da ilha mediterrânica de Perejil, em Julho de 2002, Espanha e Marrocos voltam a falar de amizade e de cooperação. A colaboração no controlo da imigração ilegal e da luta anti-terrorista, a abertura de negociações sobre o estatuto do Saara Ocidental ou o reforço da cooperação económica foram as palavras-chave dos discursos de ontem. Mohammed VI prometeu reforçar o controlo policial no sul e norte do país para limitar a circulação de clandestinos com destino às canárias e ao mediterrâneo, tendo pedido ajuda à União Europeia para concretizar esta tarefa. Juan Carlos por seu lado não poupou elogios às reformas democráticas empreendidas pelo novo monarca marroquino. O rei de Espanha deverá amanhã inaugurar a nova embaixada espanhola em Rabat, um sinal dos novos tempos que Mohammed VI considera agora dominados pela confiança, depois da saída de cena de Jose Maria Aznar.