Última hora

Última hora

Grécia alvo de sanções da UE por défice excessivo

Em leitura:

Grécia alvo de sanções da UE por défice excessivo

Tamanho do texto Aa Aa

Os ministros das Finanças da União Europeia pronunciaram-se a favor da proposta da Comissão para se avançar no processo de penalização da Grécia e Hungria que, segundo Bruxelas, não tomaram medidas suficientes para reduzir os seus défices excessivos. Mas a Hungria, como se encontra fora da zona euro, não está sujeita a sanções financeiras, ao contrário da Grécia que viola o Pacto de Estabilidade e Crescimento desde 1997.

Os responsáveis das Finanças dos 25 apoiaram a decisão da Comissão em renunciar à prossecução de sanções contra a Alemanha e a França em troca do compromisso de Berlim e Paris em reduzir o défice público abaixo da barreira dos 3 por cento do Produto Interno Bruto em 2005. A revisão do Pacto de Estabilidade e Crescimento encontra-se igualmente na ordem de trabalhos. De acordo com o presidente da Comissão, José Manuel Barroso, esta deve ser articulada com a revisão da Estratégia de Lisboa que visa aumentar a competitividade e o crescimento na Europa.