Última hora

Última hora

IRA suspende desmantelamento do arsenal

Em leitura:

IRA suspende desmantelamento do arsenal

Tamanho do texto Aa Aa

A constituição de um governo autonómico na Irlanda do Norte torna-se cada vez mais uma pura ilusão. O Exército Republicano Irlandês (IRA) decidiu suspender o desmantelamento do seu arsenal militar entravando assim o processo de Paz. Todavia o Sinn Fein, o braço político do IRA, descarta responsabilidades no sucedido. “Os governos britânico e irlandês escolheram o confronto e tentam de acusar os republicanos de tudo o que de errado ocorre neste processo, sem pensarem nas consequências”. O partido dirigido por Gerry Adams sublinha no entanto que o IRA, no seu comunicado, não menciona um regresso à luta armada.

A tentativa de restabelecimento das instituições autonómicas tinha esbarrado em Dezembro na exigência do Partido Unionista Democrático em ter provas fotogáficas do desmantelamento do arsenal do IRA, o que foi recusado pelos republicanos. Para agravar ainda mais a tensão a milícia católica foi acusada pela polícia da Irlanda do Norte e pelos governos de Londres e Dublin de ser responsável pelo assalto a um banco de Belfast em Dezembro, o que é negado pelo IRA. O montante do furto foi estimado em 38 milhões de euros.