Última hora

Última hora

Tecnologia sob todos os formatos no CeBIT

Em leitura:

Tecnologia sob todos os formatos no CeBIT

Tamanho do texto Aa Aa

A edição deste ano do maior salão tecnológico do Mundo abriu esta quarta-feira em Hanôver. Os organizadores esperam mais visitantes, depois de três anos relativamente fracos.

O chanceler alemão Gerhard Schroeder apadrinha o CeBIT – 2005, numa altura em que a Alemanha parece estar em pleno “choque tecnológico”. Por exemplo, a utilização de telemóveis de terceira geração deve crescer dez vezes este ano. Diz Schroeder, “este sector está em plena expansão. Em 2004, ultrapassou a fase de estagnação e para este ano prevê-se um crescimento de 3,5 por cento. Vão ser criados novos empregos no sector, tal como no ano passado. É no Norte da Europa que está a maioria os países com maior consumo tecnológico por habitante. Suíça, Suécia, Dinamarca, Japão, Noruega e Estados Unidos são os países onde as pessoas gastam mais dinheiro em produtos tecnológicos. Ao todo 6.000 expositores, vindos de todo o mundo, prometem durante uma semana reinventar os tempos modernos. Os telemóveis de terceira geração são a estrela desta edição. De simples telefones, os aparelhos estão agora a transformar-se em autênticas centrais multimédia. Diz um analista, “a grande novidade deste ano são os novos telemóveis com aplicações multimédia. É possível ver televisão, vídeo e carregar música. É também possível pilotar toda a istalação multimédia, quando se está em viagem”. A televisão digital em directo nos telemóveis é uma das grandes novidades e uma das maiores apostas das operadoras, como a holandesa KPN. Também a Siemens apresentou aqui o primeiro terminal UMTS inteiramente concebido pela marca alemã, que começa a ser comercializado em Setembro.