Última hora

Última hora

Congresso americano aprova lei que suspende eutanásia de terri Schiavo

Em leitura:

Congresso americano aprova lei que suspende eutanásia de terri Schiavo

Tamanho do texto Aa Aa

Satisfação para os pais de Terri Schiavo. O Congresso americano aprovou a lei que permite prolongar a vida da filha. Terri, de 41 anos, está numa situação de morte cerebral há 15 e o tubo que a mantém viva foi retirado na sexta-feira, por ordem judicial. Após a promulgação da lei pel presidente, Terri vai voltar a ser ligada às máquinas, enquanto os pais podem recorrer à Justiça Federal para a manter viva.

O caso está no centro do debate sobre a eutanásia nos Estados Unidos. A lei foi aprovada por unanimidade no Senado e pela maioria dos membros da Câmara dos Representantes. O presidente George W. Bush, que encortou as férias devido ao assunto, pretende promulgar rapidamente a lei. Os políticos acabaram por ouvir os apelos da mãe de Terri, que sem o tubo viveria no máximo 15 dias. Do lado contrário está o marido de Terri que acusa os políticos de se sobreporem à justiça.