Última hora

Última hora

Futuro de Terri Schiavo disputado entre juízes e políticos nos EUA

Em leitura:

Futuro de Terri Schiavo disputado entre juízes e políticos nos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

A justiça norte-americana recusa-se a ceder à pressão política para que Terri Schiavo seja mantida em vida. Um tribunal de segunda instância da Florida rejeitou esta manhã o recurso, interposto pela família da paciente, para que seja recolocado o tubo de alimentação retirado na sexta-feira.

Ontem tinha sido a vez do juiz federal recusar-se a reexaminar o caso, apesar da lei aprovada expressamente no Congresso norte-americano, sob pressão dos republicanos, e das manifestações dos grupos católicos em defesa do que chamam “a santidade da vida”. A mãe da paciente, lançou ontem um apelo aos senadores da Flórida para que, “não deixem morrer a filha de sede”. Segundo os advogados dos pais, a doente em estado vegetativo persistente há mais de 15 anos tem apenas mais 48 horas de vida, antes das lesões provocadas pela falta de alimentação serem irreversíveis. Os diagnósticos médicos referem no entanto que as possibilidades de recuperação da paciente são nulas, lembrando que esta é a terceira vez que a alimentação da doente é suspensa. O poder político ameaça agora ripostar, os senadores conservadores da Florida preparam-se agora para pedir ao governador do estado para que intervenha directamente no caso.