Última hora

Última hora

Criação de emprego cai nos EUA em Março

Em leitura:

Criação de emprego cai nos EUA em Março

Tamanho do texto Aa Aa

A criação de emprego, nos Estados Unidos, ficou bastante abaixo das expectativas dos analistas, durante o mês de Março. Segundo os dados agora publicados pelo Departamento do Trabalho, foram criados 110.000 novos empregos, um número que ficou abaixo mesmo das perspectivas menos optimistas.

No entanto, apesar destes dados pouco animadores, o número de desempregados caíu, já que houve menos 332.000 pessoas a declarar não ter emprego, no inquérito mensal do Departamento do Trabalho. A taxa de desemprego caíu para os 5,2 por cento, dos 5,4 do mês anterior. O valor tem vindo a cair, depois do pico de 6,25 por cento atingido em Junho de 2003. Mo que toca aos números de Janeiro e Fevereiro, os valores foram revistos em baixa. Segundo os analistas, esta desaceleração na criação de emprego mostra que a economia está a crescer menos que o esperado, o que pode levar a Reserva Federal a rever a política de subida nas taxas de juro. Uma das razões apontadas para este declínio no número de novos postos de trabalho criados é a alta nos preços do petróleo, que fez as empresas gastar mais dinheiro com os derivados e menos com a contratação de pessoal.