Última hora

Última hora

Berlusconi vende parte de império televisivo

Em leitura:

Berlusconi vende parte de império televisivo

Tamanho do texto Aa Aa

A Fininvest, holding do primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi, está a vender parte do império da televisão e pôs à venda 197 milhões de acções da Mediaset, o grupo até agora detido, em maioria, pela família do primeiro-ministro italiano, esta quarta-feira, na bolsa de Milão.

Com esta operação, Berlusconi perde o estatuto de accionista maioritário, com cerca de metade do capital, e passa a detentor de pouco mais de um terço da Mediaset. A Finivest deve arrecadar 2,1 mil milhões de euros. Em comunicado, a Fininvest explica que esta operação vai permitir reembolsar a integralidade das dívidas e potenciar novos investimentos. Mas a oposição italiana, liderada por Romano Prodi, aponta outras razões. Diz Vicenzo Visco, deputado dos Democráticos de Esquerda: “A razão desta venda feita por Berlusconi é o medo de perder as eleições, aliado ao medo de que as mudanças na lei Gasparri façam cair os títulos da Mediaset. Ele tenta fazer mais-valias, depois do conflito de interesses que tem há quatro anos”. Há muito que a esquerda acusa Berlusconi de conflito de interesses. A lei, feita por medida pelo ministro da Comunicação, Maurizio Gasparri, regula as relações entre os media e o poder político e ameaça agora ser mudada pelo parlamento. Neste primeiro dia da operação, as acções da Mediaset caíram cerca de 2,5 por cento.