Última hora

Última hora

Lucros da Ford caem no primeiro trimestre

Em leitura:

Lucros da Ford caem no primeiro trimestre

Tamanho do texto Aa Aa

Os números da Ford estão em queda. A construtora automóvel, segunda maior empresa do sector nos Estados Unidos e terceira maior a nível mundial, planeia cortes na produção para compensar os maus resultados.

Os lucros caíram quase dois quintos, para um valor perto dos 92 mil milhões de euros. Apesar de ser um número em queda, está bastante acima das previsões anteriores, o que fez as acções da Ford subirem ligeiramente, na bolsa de Wall Street. Os resultados em queda devem-se, sobretudo, à descida na procura e à subida dos custos. As construtoras norte-americanas estão a perder terreno nos Estados Unidos, sobretudo para as marcas asiáticas. O anúncio da Ford chega apenas um dia depois da compatriota General Motors, número um mundial, ter também anunciado um prejuízo de mais de 1,1 mil milhões de dólares, cerca de 800 milhões de euros. A Ford quer agora reduzir a capacidade de produção das fábricas norte-americanas, para limitar os stocks de carros não vendidos, que têm vindo a acumular-se. Já na Europa, as perspectivas são melhores. A filial europeia da Ford viu os lucros antes de impostos multiplicarem-se por dez, apesar do prejuízo na divisão Premier Automotive, que explora as marcas Jaguar e Land Rover.