Última hora

Última hora

O Japão apresentou desculpas formais à China, numa tentativa de acalmar as manifestações anti-nipónicas

Em leitura:

O Japão apresentou desculpas formais à China, numa tentativa de acalmar as manifestações anti-nipónicas

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro, Junichiro Koizumi pronunciou um discurso no âmbito da cimeira asiático-africana, em Djakarta, na Inodésia, onde exprimir os mais profundos remorssos e sinceras desculpas pelo sofrimento causado pelos soldados japoneses durante a segunda Guerra Mundial.

Os serviços diplomáticos esforçam-se para organizar um encontro entre os primeiros-ministros dos dois países, tendo em vista apaziguar a tensão que dura há mais de duas semanas e que começa contagiar a Coreia do Sul.

Milhares de chineses começaram as manifestações depois da publicação de um manual no Japão onde o militarismo do passado era tratado com ligeireza.

Neste protesto foi também expressa a oposição da China à candidatura do Japão ao conselho permanente da ONU.