Última hora

Última hora

Accionista da Deutsche Börse quer fusão com Euronext

Em leitura:

Accionista da Deutsche Börse quer fusão com Euronext

Tamanho do texto Aa Aa

Um dia depois do anúncio da demissão de Werner Seifert, presidente da Deutsche Börse, o principal accionista da bolsa alemã quer ver um casamento com a Euronext.

O fundo de investimento britânico TCI, maior investidor da Deutsche Börse, diz que a nova administração deve estudar uma possível fusão com a bolsa pan-europeia, com quem disputou a compra da LSE, a bolsa de Londres.Seifert saíu depois de pressões dos accionistas, que antes tinham já criticado os preços altos que o então presidente estava disposto a pagar pela bolsa londrina. Em termos de capitalização bolsista dos títulos que lá estão cotados, a London Stock Exchange é a maior bolsa da Europa. e atinge os dois biliões de euros. Seguem-se a Euronext e a Deutsche Borse que é, no entanto, a maior em termos de valor de mercado. Uma eventual fusão fará do novo grupo a maior bolsa da Europa, sob todas as perspectivas. Se a fusão se vier a concretizar, isso deita por terra as intenções de comprar a LSE. Depois da desistência da Deutsche Börse, a Euronext parece estar bem posicionada para a compra da praça londrina. A decisão deve ser tomada em Junho. Muitos analistas vêem com desconfiança a possibilidade da Deutsche Börse se juntar à Euronext. É provável que o negócio seja chumbado pela Comissão Europeia. Além disso, a direcção da Euronext parece estar mais interessada na compra da LSE que num casamento com a bolsa alemã. O fundo TCI, responsável pelo afastamento de Seifert e promotor deste projecto de associação à Euronext, foi também o principal crítico da tentativa de compra da LSE.