Última hora

Última hora

OPEP prevê abrandamento na subida da procura

Em leitura:

OPEP prevê abrandamento na subida da procura

Tamanho do texto Aa Aa

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) reviu em baixa as previsões de crescimento da procura mundial de petróleo para este ano. Segundo o novo relatório mensal, a procura deve crecer em 1,8 milhões de barris por dia, menos 800 mil barris que o anteriormente esperado.

Os números provisórios apontam assim para uma procura, este ano, de quase 84 milhões de barris por dia. O valor tem vindo a crescer, mas a oferta está também a aumentar. A OPEP está agora a produzir ao máximo das capacidades -quase trinta milhões de barris por dia. Os limites de produção aumentaram em três milhões de barris diários, nos últimos dois anos. Apesar desta revisão em baixa do aumento da procura, a OPEP alerta para a quebra no ritmo de produção dos países de fora do cartel. Esta tendência deve manter a procura em alta. Segundo o cartel, os preços do barril devem baixar progressivamente, nos próximos dois anos, e podem atingir, em 2007, preços entre os 35 e os 40 dólares, bastante mais baixos que os 50 actuais ou o recorde histórico de 58 dólares por barril, atingido no mês passado.