Última hora

Última hora

Irão não desiste do seu programa nuclear

Em leitura:

Irão não desiste do seu programa nuclear

Tamanho do texto Aa Aa

“O nuclear com um objectivo pacífico é um direito”. É o recado vindo de Teerão,na primeira conferência de imprensa do presidente eleito Mahmoud Ahmadinejad.

O Ocidente não festejou a vitória deste ultra-conservador que prometeu transformar o Irão num país forte e poderoso. Mas o novo líder já declarou que o seu governo será de paz e moderação e que o extremismo não será aceite no seu executivo. Com o estrangeiro declarou querer “uma política de coexistência” e “em nome do interesse nacional, a República Islâmica vai continuar as negociações sobre a questão nuclear com a União Europeia”, ressalvando que “para progredir o seu país não precisa de estabelecer relações com os Estados Unidos”. No país há, no entanto, quem tema pelo futuro: “Não me sinto muito optimista em relação ao futuro. Penso que as coisas vão piorar. Nestes últimos anos foram feitas algumas reformas, agora vamos regredir”, considera um iraniano inquirido. Outra cidadã afirma: “Não espero grande coisa para mim, na minha idade…mas desejo um futuro melhor para os meus filhos, quero que vão para a universidade, que tenham emprego, uma vida estável e sem corrupção.” O novo homem forte da República Islâmica está longe de suscitar unanimidade. No Ocidente aguarda-se com apreensão a entrada em cena desta polémica figura, prevista para o dia 3 de Agosto.