Última hora

Última hora

Reino Unido celebra o bicentenário da Batalha de Trafalgar

Em leitura:

Reino Unido celebra o bicentenário da Batalha de Trafalgar

Tamanho do texto Aa Aa

Um ano depois de França e Inglaterra terem celebrado os 100 anos da Etente Cordiale, comemora-se o bicentenário da Batalha de Trafalgar.

A Rainha Isabel II passou em revista as suas tropas e, a bordo do Endurance, fez o mesmo aos mais de 150 navios de guerra, da marinha mercante e grandes veleiros de 40 países diferentes. Até domingo, no porto de Portsmouth e ao largo da cidade do sul do Reino Unido, são esperadas mais de 200 mil pessoas por dia, que terão a oportunidade de ver alguns dos grandes veleiros da história e navios da actualidade. Mas a grande estrela deste Festival do Mar, é o Victory, o navio a partir do qual o Almirante Nelson humilhou as armadas francesa e espanhola, no dia 21 de Outubro de 1805, ao largo de Cádis no Sul de Espanha, naquela que ficou conhecida como a Batalha de Trafalgar, nome dum cabo próximo de Gibraltar. Horatio Nelson perdeu a vida ferido por um mosquete francês, mas ganhou a imortalidade com a vitória de que foi o estratega. Nelson não perdeu nenhum dos 27 navios que comandava e abateu 22 dos 33 veleiros de guerra franceses e espanhóis, acabando de vez com os planos de Napoleão para invadir a Inglaterra, e permitindo ainda à família real portuguesa fugir para o Brasil. Ao fim da tarde a batalha será reencenada no mar, mas com uma equipa vermelha e uma azul para não ofender a sensibilidade francesa.