Última hora

Última hora

África pede comércio justo e perdão da dívida

Em leitura:

África pede comércio justo e perdão da dívida

Tamanho do texto Aa Aa

Os líderes de 53 paises africanos reivindicaram hoje na Líbia um comércio mais justo e a anulação da dívida dos países mais pobres. Na abertura da quinta Cimeira da União Africana, que se realiza em Syrte na Líbia, os países do Continente mais pobre do Mundo mandaram o recado directamente para o G8 que se reúne quarta-feira na Escócia. Apesar destes pedidos, Moammad Kaddafi exortou os parceiros a recusar toda a ajuda internacional que aumente a dependência face ao Ocidente ou esteja sujeita a condições.

Entre os convidados da Cimeira da União Africana conta-se o presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, encarregue de reforçar os laços entre as duas instituições. Além da pobreza, os chefes de Estado e de governo presentes na cimeira vão discutir a representação da União Africana no Conselho de Segurança da ONU. O bloco africano pretende reivindicar dois lugares permanentes e cinco não permanentes.