Última hora

Última hora

Vendas a retalho sobem na Zona Euro

Em leitura:

Vendas a retalho sobem na Zona Euro

Tamanho do texto Aa Aa

A economia dos doze países da moeda única está a dar alguns sinais de recuperação, depois dos últimos dados publicados sobre as vendas a retalho. Segundo o Eurostat, este indicador cresceu 1,1 por cento, entre Abril e Maio. Foi a maior subida mensal desde Abril do ano passado. É um valor maior que o esperado. No entanto, os analistas dizem que é muito cedo para falar de uma clara retoma.

Esta subida segue-se a um recuo, também de 1,1 por cento, registado em Abril e a um ganho muito ligeiro em Fevereiro. Desde a subida de 0,9 por cento, registada em Janeiro, que não havia um aumento significativo neste indicador do consumo. É neste contexto que o Banco Central Europeu (BCE) parte, esta quinta-feira, para mais uma reunião. Sem surpresas, o Conselho de Governadores do BCE deve decidir manter a taxa de juro directora nos actuais dois por cento. Isso mesmo foi dito pelo Governador do Banco de Espanha, Jaime Caruana, que disse numa entrevista que “o problema da economia dos Doze é estrutural e não é um corte nas taxas de juro que o vai resolver”. A reunião acontece também numa altura em que o euro cai para mínimos de 14 meses face ao dólar.