Última hora

Última hora

Alemanha: "Verdes" definem emprego e economia como prioridades de campanha

Em leitura:

Alemanha: "Verdes" definem emprego e economia como prioridades de campanha

Tamanho do texto Aa Aa

Os “Verdes” alemães estiveram este fim de semana em congresso para prepararem o programa eleitoral para as legislativas que deverão ocorrer no final do Verão.

Fomentar o emprego e a economia é a prioridade dos ecologistas, que deixam para segundo plano a política ambiental. Joschka Fischer é o homem que vai dirigir os “Verdes” nesta nova batalha eleitoral, cuja realização ainda terá de ser decretada pelo presidente Horst Kohler. No entanto, todos os partidos afinam estratégias tendo em vista o eventual escrutínio. Para o presidente do partido, Reinhard Buetikhofer, os ecologistas vão lutar na campanha pela justiça, pelo emprego e pela igualdade social, um combate que o dirigente considera de capital importância. Os “Verdes” pretendem ainda aumentar a carga fiscal dos rendimentos mais elevados e manter a taxa de IVA nos 16%. Promessas que o partido fez questão de vincar, uma vez que os democratas-cristãos anunciaram aumentos generalizados dos impostos em caso de vitória. A concorrer individualmente, os “Verdes” são creditados com 7 a 9 por cento das intenções de voto.