Última hora

Última hora

Tony Blair reúne-se com chefes dos serviços secretos e da polícia

Em leitura:

Tony Blair reúne-se com chefes dos serviços secretos e da polícia

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro britânico, Tony Blair, reúne-se esta quinta-feira com os chefes da polícia e dos serviços secretos a quem deverá apresentar a sua intenção de globalizar a luta contra o terrorismo.

No seu discurso semanal na Câmara dos Comuns, o primeiro-ministro britânico defendeu as forças de segurança e a criação de uma base de dados onde constarão os nomes de todos os extremistas conhecidos das autoridades de forma a impedir a sua entrada no país. Blair referiu que “é importante reconhecer que os serviços secretos e a polícia, através do centro de avaliação do terrorismo, estão a fazer um grande trabalho de pesquisa de informações não só da Grã-Bretanha como do mundo inteiro”. O primeiro-ministro afirmou estar “muito satisfeito por estarem a fazer todos os possíveis para protegerem o país.” Blair deu ainda a conhecer a sua intenção de convocar, para Setembro, uma conferência internacional sobre a luta contra o extremismo. Quem também esteve presente no parlamento britânico foi o ministro do Interior, Charles Clarke, que anunciou a elaboração de uma lista de “comportamentos inaceitáveis” relacionados com o terrorismo. Entretanto, a polícia britânica deteve quatro homens, no quadro da lei antiterrorista, em Hanley, no centro de Inglaterra. As detenções ocorreram depois de a polícia ter recebido vários telefonemas que davam conta do comportamento estranho dos quatro indivíduos.