Última hora

Última hora

"Big Brother" comunitário vai vigiar transferências bancárias

Em leitura:

"Big Brother" comunitário vai vigiar transferências bancárias

Tamanho do texto Aa Aa

Quem quiser fazer transferências bancárias vai ter de comunicar nome, morada e número de conta – dados que serão transmitidos às autoridades competentes. Esta é uma das medidas de luta contra o financiamento do terrorismo que a Comissão Europeia quer implementar rapidamente.

A nova regra deverá aplicar-se a todas as transferências, qualquer que seja o montante, efectuadas de um Estado da União para um país externo. No caso das transferências intracomunitárias usar-se-á um procedimento simplificado. A ideia fazia parte da lista de medidas antiterroristas, adoptada pelos Vinte e Cinco após os atentados de Madrid, no ano passado. Mas foi depois dos ataques de 7 de Julho, em Londres, que a presidência britânica pressionou os parceiros comunitários a avançar para acções concretas. Reino Unido e França continuam a fazer pressão para que se recolham também os dados relativos às comunicações telefónicas e por email. Esta segunda-feira, os líderes britânico e francês decidiram trocar dados de pessoas que tenham tentado promover ideias extremistas, ao mesmo tempo que querem evitar a radicalização das respectivas comunidades muçulmanas.