Última hora

Última hora

Irão rejeita contrapartidas europeias ao abandono do programa nuclear

Em leitura:

Irão rejeita contrapartidas europeias ao abandono do programa nuclear

Tamanho do texto Aa Aa

O Irão recusa-se a abandonar o seu programa nuclear em troca de uma colaboração reforçada com a União Europeia e com a comunidade internacional. Os negociadores iranianos consideraram a proposta de cooperação, apresentada na sexta-feira por representantes europeus, como inaceitável. A resposta do país deverá ser oficializada hoje.

Para Teerão o abandono das actividades de enriquecimento de urânio na central de Ispahan retiraria ao país a capacidade de controlar todo o ciclo de produção de combustível nuclear, contrariando o Tratado de Não Proliferação. Os inspectores da Agência Internacional de Energia Atómica reúnem-se, na próxima quinta-feira, em Viena, para analisar a situação. O responsável da diplomacia francesa ameaçou levar a questão ao Conselho de segurança da ONU. Ontem, durante a sua tomada de posse como presidente iraniano, Mahmud Ahmadinejad, não se referiu ao impasse negocial, sublinhando apenas que, “o Irão respeita as leis internacionais mas não se vai deixar intimidar por quem quer violar os seus direitos”. As actividades de enriquecimento de urânio deverão ser retomadas já na próxima semana. Teerão refere que se destinam apenas a fins civis mas, segundo Washington, o país estará a uma década de produzir uma bomba nuclear.