Última hora

Última hora

Os sete marinheiros russos do AS-28 estão sãos e salvos

Em leitura:

Os sete marinheiros russos do AS-28 estão sãos e salvos

Tamanho do texto Aa Aa

Estão sãos e salvos os sete marinheiros russos, esta noite resgatados das profundesas do Oceano Pacífico. Os homens já foram observados por uma equipa médica, que considerou o seu estado de saúde satisfatório, apesar da fadiga.

Ao fim de quatro dias, o submarino AS-28, encalhado a 190 metros de profundidade, foi finalmente libertado dos cabos e redes de pesca que o bloqueavam. Foi durante a noite que o Scorpio, o pequeno submersível britânico telecomandado, cortou os cabos e as redes de pesca que bloqueavam o aparelho. Serguei Ivanov, o ministro russo da Defesa, chegou ao local a tempo de ver o AS-28 emergir. Britânicos, americanos e japoneses disponibilizaram a ajuda que permitiu salvar os sete marinheiros. Cinco anos depois do acidente com o Kursk, que provocou a morte a 118 homens, a Rússia apelou à ajuda internacional. Foi a primeira vez que militares ocidentais se aproximaram das ultra-secretas bases submarinas russas do Pacífico.