Última hora

Última hora

Mega-manifestação anti-retirada em Telavive

Em leitura:

Mega-manifestação anti-retirada em Telavive

Tamanho do texto Aa Aa

Telavive prepara-se para uma das maiores manifestações de sempre. Os ultra-nacionalistas fizeram um apelo a todos os opositores da retirada da Faixa de Gaza para se concentrarem esta noite na Praça Yitzhak Rabin. O conselho de colonos espera reunir 100 mil pessoas.

O apelo estendeu-se também a outros radicais para que se infiltrassem clandestinamente nos colonatos da Faixa de Gaza de modo a reforçar a resistência à evacuação. Por isso, cinco dias antes do previsto, o exército fechou já os 21 colonatos judaicos de Gaza a não-residentes. A manifestação desta noite surge um dia depois de 50 mil opositores à retirada terem rezado no Muro das Lamentações para pedir ajuda às forças divinas. Esperam-se várias personalidades neste no mega-protesto. Entre elas, os rabinos ultra-nacionalistas que ajudaram na mobilização de tantos israelitas. Polícia e exército continuam em alerta máximo. Pelo menos 100 agentes já recusaram participar no plano de Ariel Sharon. O dia 17 de Agosto é a data marcada para o início da retirada de 21 colonatos da Faixa de Gaza.