Última hora

Última hora

Colonos judeus rezam com soldados antes de deixarem a Faixa de Gaza

Em leitura:

Colonos judeus rezam com soldados antes de deixarem a Faixa de Gaza

Tamanho do texto Aa Aa

Jovens mães com os seus filhos, activistas vindos de todo o Israel e ortodoxos de Neve Dekalim, colonato de Gaza, convergiram para a sinagoga em que os militares tiveram de forçar a porta. Só assim eles saíam.

A bíblia hebraica, Torah, da Sinagoga de Neve Dekalim foi o centro das atenções nas despedidas dos judeus desse colonato. Depois dos cânticos e leituras sagradas, a Torah ia ser levada em procissão pelas ruas para depois ser transferida para outra sinagoga de Israel. O problema maior foi que os fiéis estavam trancados na Sinagoga e os militares tiveram de entrar para os fazer saír. Depois de muitas lágrimas, dentro e fora do templo, os fiéis em prece deram as mãos aos soldados para rezarem juntos, o que aconteceu num ambiente de intensa emoção. Pacificamente, a celebração acabou em cânticos e soluços, à porta aberta. A Torah foi retirada da sinagoga de Neve Dekalim.