Última hora

Última hora

ABN AMRO ganha guerra pelo Antonveneta

Em leitura:

ABN AMRO ganha guerra pelo Antonveneta

Tamanho do texto Aa Aa

Terminou a polémica sobre a aquisição do Antonveneta.

Os holandeses da ABN AMRO ganharam a parada e vão lançar uma OPA (Oferta Pública de Aquisição) sobre a totalidade do capital do banco italiano.A operação deverá ser concluída dia 21 de Setembro. Antes disso, espera-se ainda o parecer favorável das autoridades de vigilância. 26 euros e 50 deverá ser o preço por acção. A história assumiu contornos inéditos e levou mesmo à demissão do governador do Banco de Itália. Antonio Fazio foi o homem-forte da instituição durante 12 anos e o mandato era vitalício. Era quase considerado como um intocável, até que a imprensa revelou o conteúdo de escutas telefónicas. Na transcrição tornada pública, Fazio dizia ao presidente da Banca Popolare Italiana para não se preocupar com a OPA sobre o Antonveneta. Mas os holandeses da ABN AMRO, não desistiram. Estavam já provadas as intenções proteccionistas e manifestamente parciais do, na altura, governador do Banco de Itália.A polémica provocou o afastamento de Fazio. O negócio saiu a favor do banco holandês.