Última hora

Última hora

Raides israelitas matam dois militantes do Hamas

Em leitura:

Raides israelitas matam dois militantes do Hamas

Tamanho do texto Aa Aa

Dois militantes do Hamas mortos e mais de vinte feridos é o balanço dos raides aéreos lançados por Israel sobre a Faixa de Gaza nas últimas 24 horas. O último dos raids, esta noite, visou uma escola do movimento Hamas tendo provocado 22 feridos, entre os quais algumas crianças. A decisão de retomar os ataques cirúrgicos na Faixa de Gaza foi tomada na sequência de uma reunião de emergência do Conselho de Segurança de Israel, convocada por Ariel Sharon.

O governo israelita decidiu autorizar uma intervenção na Faixa de Gaza se a autoridade palestiniana não tomar medidas para controlar o Hamas.Israel iniciou os raids aéreos, os primeiros após a retirada de Gaza, depois do Hamas ter disparado vários mísseis contra a cidade de Sderot na sexta-feira à noite. Na cidade de Gaza, os funerais dos dois militantes do Hamas mortos foram acompanhados por uma multidão ávida de vingança. A escalada de violência teve origem no incidente ocorrido sexta-feira. Em Jabaliya, uma viatura carregada com explosivos artesanais explodiu durante um desfile militar do Hamas, matando 15 pessoas morreram. O Hamas acusou Israel. Telavive negou qualquer implicação.