Última hora

Última hora

Englan condenada a três anos por Abu Ghraib

Em leitura:

Englan condenada a três anos por Abu Ghraib

Tamanho do texto Aa Aa

Um tribunal militar do Texas condenou esta terça-feira a soldado Lynndie England a três anos de prisão.

England ficou conhecida pelo escândalo da prisão de Abu Ghraib, depois de se ter deixado fotografar enquanto humilhava prisioneiros feitos no Iraque. A antiga trabalhadora fabril incorria numa pena máxima de dez anos e atribuiu o seu envolvimento no abuso de prisioneiros ao antigo companheiro e pai do seu filho, o soldado Charles Graner, já condenado a uma pena de 10 anos de prisão. O tribunal marcial decidiu-se também pela expulsão de England do exército, e concluiu que a reservista tinha um sentido de humor doentio e prazer em humilhar terceiros. O caso da soldado England foi o último de uma série de acusações que recentemente envolveram soldados de baixa patente do exército norte-americano, mas também alguns oficiais. Entretanto têm vindo a público alegações de várias centenas de casos de abuso de detidos, em prisões militares no Iraque e no Afeganistão.