Última hora

Última hora

Zagreb quer convencer União da cooperação com o TPI

Em leitura:

Zagreb quer convencer União da cooperação com o TPI

Tamanho do texto Aa Aa

A Croácia quer começar a negociar a sua adesão ao clube dos Vinte e Cinco já na próxima segunda-feira. O primeiro-ministro croata tem-se desdobrado em manobras de charme, junto de personalidades europeias. Ivo Sanader quer convencer a União dos seus esforços de cooperação com o Tribunal Penal Internacional para a Ex-Jugoslávia, sobretudo no que respeita à captura do general Anta Gotovina. “O meu governo está a fazer tudo para resolver o caso do general Gotovina. E fizemos, até agora, tudo o que estava ao nosso alcance para atingir este objectivo”, garantiu Sanader em declarações à EuroNews.

Esta sexta-feira, Carla del Ponte, a procuradora-geral do TPI, vai a Zagreb para fazer um novo relatório sobre a cooperação do governo croata com o tribunal de Haia. Foi a falta dessa cooperação que levou ao adiamento das negociações de adesão da Croácia, que deviam ter-se iniciado em Março. Desde então, foram feitos progressos. Já este mês, os serviços secretos croatas ajudaram à captura do contabilista de Anta Gotovina. Mas o general, acusado de crimes contra a humanidade, continua a monte. Carla del Ponte acusou mesmo a igreja católica de lhe dar guarida num mosteiro da Croácia.