Última hora

Última hora

Em Bastia, nova noite de violência contra a privatização da SNCM

Em leitura:

Em Bastia, nova noite de violência contra a privatização da SNCM

Tamanho do texto Aa Aa

Novos confrontos opuseram esta noite, em Bastia, na Córsega, as forças da ordem e manifestantes que protestam contra a privatização da empresa de transporte marítimo-SNCM. A batalha durou cerca de três horas e é já a segunda cena de violência esta semana que ficou marcada pelo desvio de um ferry, terça-feira, no porto de Marselha por membros do Sindicato dos Trabalhadore corsos. A detenção de quatro dos 40 elementos que sequestraram o barco inflamou ainda mais os ânimos e centenas de manifestantes encapuzados destruiram montras eincendiram viaturas.

Com perdas anunais de 30 milhões de euros a SNCM foi posta à venda pelo governo que escolheu a Butler Capital Partners como comprador. A Butler propôs-se recuperar economicamente a transportadora, uma operação que implicará o despedimento de 300 a 400 efectivos. O governo anunciou, hoje, que o Estado vai ficar com uma participação de 25% no capital da SNCM e que os trabalhadores terão acesso a 5%. Espera-se a reacção dos sindicatos para quem o dossiê está longe de ser arquivado.