Última hora

Última hora

Polónia: dois candidatos de direita nas presidenciais

Em leitura:

Polónia: dois candidatos de direita nas presidenciais

Tamanho do texto Aa Aa

Os polacos vão hoje escolher qual dos dois candidatos à presidência do país irá suceder ao ex-comunista Alexander Kwasniewski. As últimas sondagens não concediam a maioria dos votos a nenhum dos dois favoritos, ambos conservadores e antigos membros do sindicato Solidariedade.

Lech Kaczynski, actual presidente da câmara de Varsóvia e irmão gémeo do vencedor das legislativas de 25 de Setembro, defende a intervenção forte do estado na economia e está creditado entre 30 a 33% das intenções de voto, ligeiramente atrás do seu rival, Donald Tusk que recebe 40 a 44% nas sondagens. Embora Tusk, o candidato liberal, apresente uma ligeira vantagem nas 48 horas anteriores ao escrutínio nenhum dos dois está em posição de conquistar uma maioria absoluta prevendo-se uma segunda volta dia 23 de Outubro. Apesar da indefinição do eleitorado, pensa-se ser possível uma coabitação entre os dois principais partidos de direita nos dois cargos mais altos do país.