Última hora

Última hora

Americano e israelita partilham Nobel da Economia 2005

Em leitura:

Americano e israelita partilham Nobel da Economia 2005

Tamanho do texto Aa Aa

O prémio Nobel da Economia deste ano foi para um norte-americano, Thomas Schelling, e um israelita, Robert Aumann, pelos estudos no desenvolvimento das “teorias de jogo”. O anúncio foi feito esta segunda-feira pela Real Academia Sueca das Ciências.

Aumann, de 75 anos, é professor na Universidade Hebraica de Jerusalém. Schelling, de 84, ensina na Universidade de Maryland, nos EUA, e foi o iniciador das teorias que valeram aos dois homens o prémio. Trata-se de uma aplicação das “teorias de jogo”, primeiro desenvolvidas por John Nash, à resolução de conflitos, nomeadamente à corrida aos armamentos durante a Guerra Fria. Robert Aumann pegou depois nessas teorias e aplicou-lhes uma análise matemática. Do ponto de vista económico, podem aplicar-se na resolução das guerras de preços e permitem compreender por que algumas organizações ou países conseguem administrar os recursos melhor do que outros.