Última hora

Última hora

Iraque: Referendo à constituição decorreu sem sobressaltos

Em leitura:

Iraque: Referendo à constituição decorreu sem sobressaltos

Tamanho do texto Aa Aa

O referendo à constituição do Iraque decorreu este sábado sem sobressaltos.A comissão eleitoral organizou 6200 centros de voto por todo o país.Entre os 27 milhões de iraquianos 15,5 milhões estavam registados para votar. O resultado do escrutínio deverá ser conhecido dentro de cinco a dez dias.Os líderes da comunidade xiita, que representa 60% da população, apelaram à aprovação da constituição.Os analistas apontam para uma vitória do “sim”.Para que tal aconteça, o texto deverá ser aprovado por uma maioria simples.Mas se dois terços dos eleitores em pelo menos três províncias disserem não, o documento não passará.Ora, os sunitas, minoria que dominava o Iraque antes da queda de Saddam Hussein, são maioritários em três províncias.Num acordo de última hora, sob pressão dos Estados Unidos, dois partidos sunitas moderados aprovaram o texto.Mas outros líderes sunitas apelaram ao “não”, afirmando que a constituição era um documento feito pelos americanos para dividir o país.Mais favoráveis ao texto estão os curdos. O documento prevê uma larga autonomia das províncias curdas e reconhece o curdo como língua oficial do país a par do árabe.

A ida às urnas decorreu sob fortes medidas de segurança.