Última hora

Última hora

Roménia tem seis regiões de quarentena por causa da gripe das aves

Em leitura:

Roménia tem seis regiões de quarentena por causa da gripe das aves

Tamanho do texto Aa Aa

Há pelo menos seis regiões da Roménia que estão sob quarentena por causa dos dois casos confirmados de gripe das aves.A desinfecção foi intensificada, as autoridades reforçaram o abate dos animais e o objectivo é matar todas as aves de capoeira das zonas que agora se encontram isoladas. Até agora, o governo romeno já desembolsou mais de 80 mil euros em compensações aos habitantes de Ceamurlia de Jos, onde foi detectado o vírus na estirpe mais perigosa – o H5N1. Mesmo assim, muitas pessoas não se conformam ao ver tantos animais mortos, há várias famílias que sobrevivem graças à criação de aves. Até agora, já foram mortos mais de 15 mil animais. Têm sido distribuídas vacinas pela população.

O medo de uma pandemia cresce ao mesmo tempo que são tornadas públicas previsões cada vez mais alarmistas. No Reino-Unido, o médico assessor do governo garante que podem morrer 50 mil pessoas no país. Liam Donaldson lembra que algo parecido já se passou antes, que este tipo de coisas surgem em ciclos naturais de tempos a tempos. O vírus tem sofrido mutações na variante H5N1, à qual os seres humanos não são imunes. Na Turquia a situação não é muito diferente que a da Roménia. As desinfecções e o abate de aves, são intensificados. As autoridades turcas informaram entretanto que as nove pessoas internadas por suspeita de terem contraído a gripe das aves, já saíram do Hospital. Foi falso alarme. Na Ásia, onde surgiram os primeiros focos do vírus, já morreram mais de 60 pessoas desde 2003.