Última hora

Última hora

Iraque: Domingo sangrento em Ramadi

Em leitura:

Iraque: Domingo sangrento em Ramadi

Tamanho do texto Aa Aa

O ataque das forças norte-americanas, este domingo, em Ramadi, a cerca de 100 quilómetros de Bagdade, foi sangrento. Aviões F-15 e F-18, apoiados por helicópteros Cobra, bombarderam locais considerados redutos de rebeldes iraquianos um dia depois do referendo sobre a Constituição.

Num comunicado, as forças armadas dos Estados Unidos anunciaram ter morto cerca de 70 guerrilheiros, mas de acordo com a agência de notícias Associated Press, citando testemunhas, pelo menos 39 das vítimas mortais eram civis. Segundo fontes hospitalares, os ataques provocaram perto de meia centena de feridos. Nesta região registou-se uma baixa afluência às urnas, no referendo sobre a Constituição, no entanto, houve uma participação significativa de sunitas a nivel nacional. A Comissão Eleitoral refere que 60 por cento dos eleitores foram às urnas. Um primeiro resultado não oficial deverá ser divulgado a partir do próximo dia 20. Dados seguros só depois de dia 24.