Última hora

Última hora

Iushchenko espera provar que foi envenenado

Em leitura:

Iushchenko espera provar que foi envenenado

Tamanho do texto Aa Aa

Viktor Iushchenko falou esta segunda-feira em Londres sobre a investigação ao caso de envenenamento de que terá sido vítima no ano passado. O presidente ucraniano disse, em entrevista à BBC, disse que a investigação está a avançar e que os responsáveis vão ser identificados revelendo que os investigadores fizeram novas descobertas sobre o tipo de veneno que o afectou.

Viktor Iushchenko terá sido vítima de envenenamento por dioxinas em Setembro do ano passado. Iushchenko acusou na altura os serviços secretos ucranianos de tentarem obrigá-lo a desistir das eleições presidenciais. O processo terminou na “revolução laranja” em Dezembro, ao fim de várias semanas de pressão popular nas ruas.Iushchenko confirmou que a revolução foi financiada por milhões de ucranianos que ofereceram dinheiro ao seu partido. Extremamente optimista, o líder ucraniano manifestou o desejo de ver o país aderir à Organização Mundial do Comércio até o final do ano e à União Europeia daqui a três anos.