Última hora

Última hora

As primeiras chuvas associadas ao furacão Wilma chegaram à Florida

Em leitura:

As primeiras chuvas associadas ao furacão Wilma chegaram à Florida

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades da Florida mantêm o estado de alerta esta segunda-feira. Os habitantes receberam ordem para abandonar a costa antes que mais este furacão cause vítimas. Jeb Bush, governador da Florida admitiu que foram efectuadas evacuações desnecessárias nos últimos 14 meses, mas desta vez não é o caso. “ O furacão está a chegar e as pessoas devem partir”.

O “Wilma” é um furacão de categoria 2 mas, no contacto com as águas do Golfo de México aumentou a velocidade de progressão e teme-se que volte a ganhar força. No México causou oito mortos e uma grande devastação. Na Florida 23 abrigos foram abertos para receber os que não tiveram tempo de partir. Desta vez está tudo previsto: água, alimentos, segurança e barcos prontos para entrarem em acção. Cuba está na rota “Wilma”, mas a ilha de Fidel está igualmente na mira da tempestade tropical Alpha. Em Pinar del Rio, a 175 quilómetros da capital, as inundações obrigaram à evacuação de 640 mil pessoas.