Última hora

Última hora

H5N1 confirmado no Reino Unido

Em leitura:

H5N1 confirmado no Reino Unido

Tamanho do texto Aa Aa

O Reino Unido detectou a presença do H5N1 no papagaio oriundo do Suriname que estava em quarentena desde Setembro. O anuncio foi feito ao início da noite pela Direcção Geral de Veterinária. Debby Reynolds revelou que a estripe detectada é mais próxima da estripe identificada nos patos contaminados este ano na China. Quer isto dizer que nada tem a ver com a estirpe do vírus encontrada na Roménia e na Turquia.

Até agora foram confirmados casos de H5N1 na parte ocidental da Rússia, na Roménia, na Turquia e no Reino Unido. Na Suécia, a contra-análise feita aos quatro dos sete patos encontrados mortos em Eskilstuna, a 100 quilómetros de Estocolmo, identificou o vírus H5, ou seja, garantem as autoridades, “a estirpe agressiva encontrada na Rússia e na Turquia não chegou à Suécia”. Na Croácia, a identificação do vírus H5 em seis dos 12 cisnes encontrados mortos num lago do leste do país, obrigou ao abate de milhares de aves, as exportações estão proibidas. Ministros da Saúde de todo o mundo reúnem-se segunda e terça-feira no Canadá para debater o problema. A OMS e a União Europeia têm encontro marcado para quarta.