Última hora

Última hora

Wilma matou cinco pessoas na Flórida

Em leitura:

Wilma matou cinco pessoas na Flórida

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos cinco pessoas morreram à passagem do Wilma pela península da Flórida tendo também causado prejuízos entre dois a seis mil milhões de dólares. Com uma força de nível três continua a avançar pelo Oceano Atlântico em direcção a noroeste acompanhado de ventos que sopram a mais de 190 quilómetros por hora. O furacão chegou ao sul da Flórida com chuvas torrenciais e rajadas de vento na ordem dos 200 quilómetros horários. Mais de 3 milhões de lares ficaram sem electricidade. O Wilma esteve já classificado como um furacão de nível 5 e o mais violento alguma vez registado no Atlântico. A sua passagem pelo mar das Caraíbas fez vários mortos e causou inúmeros danos materiais, nomeadamente no paraíso turístico de Cancun no México.

Este é o oitavo furacão que se abate sobre a Flórida nos últimos 15 meses. A presente temporada de furacões do Atlântico, que termina em Novembro, converteu-se na mais activa desde que começaram os registos há 150 anos.