Última hora

Última hora

Alemanha: o SPD substitui Muntefering por Platzeck

Em leitura:

Alemanha: o SPD substitui Muntefering por Platzeck

Tamanho do texto Aa Aa

Os social-democratas alemães escolhem um novo líder pondo fim à crise interna aberta pelo anúncio de retirada de Franz Muntefering. Mathias Platzeck é o futuro homem forte do SPD e conta com o apoio dos principais barões regionais do partido, entre os quais Kurt Beck, ministro-presidente do estado regional Renânia-Palatinado, que se retirou da corrida à liderança para apoiar Platzeck.O futuro presidente do SPD vai acumular esta nova responsabilidade com o cargo de ministro-presidente do estado regional de Brandburgo onde lidera uma coligação com a CDU.

Depois de Franz Muntefering ter anunciado que não se recandidatará à presidência do SPD, o presidente da CSU, Edmund Stoiber declarou que não fará parte do futuro governo e que ficará em Munique para melhor defender os interesses da CSU. Momentos antes, o SPD esclarecera que Muntefering, apesar de não querer continuar como presidente do partido, ocupará o cargo de vice-chanceler e ministro do Trabalho no governo de coligação como estava planeado. A imprensa alemã especula que a retirada de Stoiber deve-se mais ao facto de ter sentido pouco apoio de Angela Merkel quando reivindicou mais competências para o ministério da Economia do que à crise na direcção do SPD. Perante o receio de uma nova paralísia política, pouco conveniente para a Alemanha, Angela Merkel veio a público reafirmar a intenção de formar o governo de coligação e de “cumprir o dever que lhe foi conferido nas urnas”.